terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

MENSAGEM DO DIA - EXAMINEMOS A NÓS MESMOS


O dever do espírita cristão é tornar-se progressivamente melhor. Útil, assim, verificar, de quando em quando, com rigoroso exame pessoal, a nossa verdadeira situação íntima. Espírita Cristão que não progride durante três anos sucessivos permanece estacionário. 

Testa a paciência própria: - Estás mais calmo, afável e compreensivo? 
Inquire as tuas relações na experiência doméstica: - Conquistaste mais alto clima de paz dentro de casa? 
Investiga as atividades que te competem no templo doutrinário: - Colaboras com mais euforia na seara do Senhor? 
Observa-te nas manifestações perante os amigos: - Trazes o Evangelho mais vivo nas atitudes? 
Reflete em tua capacidade de sacrifício: - Notas em ti mesmo mais ampla disposição de servir voluntariamente? 
Pesquisa o próprio desapego: - Andas um pouco mais livre do anseio de influência e de posses terrestres? 
Usas mais intensamente os pronomes "nós", "nosso" e "nossa" e menos os determinativos "eu", "meu" e "minha"? 

Teus instantes de tristeza ou de cólera surda, às vezes tão conhecidos somente por ti, estão presentemente mais raros? 
Diminuíram-te os pequenos remorsos ocultos no recesso da alma? 
Dissipaste antigos desafetos e aversões? 
Superaste os lapsos crônicos de desatenção e negligência? 
Estudas mais profundamente a Doutrina que professas? 
Entendes melhor a função da dor? 
Ainda cultivas alguma discreta desavença? 
Auxilias aos necessitados com mais abnegação? 
Tens orado realmente? 
Teus ideais evoluíram? 
Tua fé raciocinada consolidou-se com mais segurança? 
Tens o verbo mais indulgente, os braços mais ativos e as mãos mais abençoadoras? 

Evangelho é alegria no coração: - Estás, de fato, mais alegre e feliz intimamente, nestes três últimos anos? 

Tudo caminha! Tudo evolui! 
Confiramos o nosso rendimento individual com o Cristo! 

Sopesa a existência hoje, espontaneamente, em regime de paz, para que te não vejas na obrigação de sopesá-la amanhã sob o impacto da dor. Não te iludas! Um dia que se foi é mais uma cota de responsabilidade, mais um passo rumo à Vida Espiritual, mais uma oportunidade valorizada ou perdida. 

Interroga a consciência quanto à utilidade que vens dando ao tempo, à saúde e aos ensejos de fazer o bem que desfrutas na vida diária. Faze isso agora, enquanto te vales do corpo humano, com a possibilidade de reconsiderar diretrizes e desfazer enganos facilmente, pois, quando passares para o lado de cá, muita vez, já será mais difícil... 


Do livro Opinião Espírita 
Emmanuel e André Luiz
Psicografia de Chico Xavier

domingo, 19 de fevereiro de 2017

POR QUE RECLAMAR? ESTAMOS APRENDENDO E EVOLUINDO!



Somos trazidos à escola espírita, a fim de auxiliarmos e sermos auxiliados, 
na permuta de experiências e na aquisição de conhecimento."
Estude e viva. Emmanuel/André Luiz/F. C. Xavier


Estamos em constante processo de aprendizado. 
Este é um dos extraordinários aspectos de nossa condição evolutiva: aprendemos sem cessar! 

A cada hora vivida nesta encarnação, sob quaisquer circunstâncias em que nos encontramos, se estamos alegres ou tristes, 
doentes ou sãos, 
miseráveis ou abastados, 
famintos ou saciados, 
sozinhos ou em grupo, 
amados ou desolados... 
absolutamente em todas as situações nos colocamos ou somos colocados em oportunidade de aprendizado. 

Embora em diversas ocasiões não nos demos conta, mesmo assim nosso espírito está aprendendo e consequentemente evoluindo. 

Aprender torna explícita a impossibilidade de regredir, de repetir o erro, de recair na falha, naquela imperfeição que nossa ignorância anterior permitia e que agora o aprendizado repara.   

Esta é portanto a melhor indicação de um aprendizado, quando não "conseguimos" reincidir no erro, quando ele torna-se uma etapa superada, um comportamento sem sentido e desnecessário. Como aquele adulto que percebe as atitudes do seu tempo de adolescente, por exemplo.  

É aprendizado quando ilumina. Quando passa a integrar nossa inteligência, ordenar nosso sentimento, lustrar nossa personalidade. 

É assim que cada lição bem compreendida constitui mais um passo  em direção à perfeição para a qual fomos criados. Graças a Deus, graças ao seu amor infinito.

TJOS
Da equipe de estudo e divulgação doutrinária 
do CEMIL-Tuparetama-PE


MENSAGENS ESPÍRITAS - Compartilhe cartões de luz com seus amigos






sábado, 24 de dezembro de 2016

CRÔNICA DE NATAL - Irmão X

Desde a ascensão de Herodes, o Grande, que se fizera rei com o apoio dos romanos, não se falava na Palestina senão no Salvador que viria enfim...Mais forte que Moisés, mais sábio que Salomão, mais suave que David, chegaria em suntuoso carro de triunfo para estender sobre a Terra as leis do Povo Escolhido.

Por isso, judeus prestigiosos, descendentes das doze tribos, preparavam-lhe oferendas em várias nações do mundo.Velhas profecias eram lidas e comentadas, na Fenícia e na Síria, na Etiópia e no Egito. Dos confins do Mar Morto às terras de Abilena, tumultuavam notícias da suspirada reforma...E mãos hábeis preparavam com devotamento e carinho o advento do Redentor.
Castiçais de ouro e prata eram burilados em Cesaréia, tapetes primorosos eram tecidos em Damasco, vasos finos eram importados de Roma, perfumes raros eram trazidos de remotos rincões da Pérsia... Negociantes habituados à cobiça cediam verdadeiras fortunas ao Templo de Jerusalém, após ouvirem as predições dos sacerdotes, e filhos tostados do deserto vinham de longe trazer ao santuário da raça a contribuição espontânea com que desejavam formar nas homenagens ao Celeste Renovador.
Tudo era febre de expectação e ansiedade. Palácios eram reconstruídos, pomares e vinhas surgiam cuidadosamente podados, touros e carneiros, cabras e pombos eram tratados com esmero para o regozijo esperado.
Entretanto, o Emissário Divino desce ao mundo na sombra espessa da noite.Das torres e dos montes, hebreus inteligentes recolhem a grata notícia... Uma estrela estranha rutila no firmamento. O Enviado, porém, elege pequena manjedoura para seu berço de luz.
Milícias angelicais rejubilam-se em pleno céu. Mas nem príncipes, nem doutores, nem sábios e nem poderosos da Terra lhe assistem a consagração comovente e sublime. São pastores humildes que se aproximam, estendendo-lhe os braços. Camponeses amigos trazem-lhe peles surradas. Mulheres pobres entregam-lhe gotas de leite alvo. E porque as vozes do Céu se fazem ouvir, cristalinas e jubilosas, cantam eles também...
- "Glória a Deus nas alturas, paz na Terra, boa vontade para com os Homens!..." Ali, na estrebaria singela, estão Ele e o povo... E o povo com Ele inicia uma nova era...
É por isso que o Natal é a festa da bondade vitoriosa. Lembrando o Rei Divino que desceu da Glória à Manjedoura, reparte com teu irmão tua alegria e tua esperança, teu pão e tua veste. Recorda que Ele, em sua divina magnificência, elegeu por primeiros amigos e benfeitores aqueles que do mundo nada possuíam para dar, além da pobreza ignorada e singela. Não importa sejas, por enquanto, terno e generoso para com o próximo somente um dia...
Pouco a pouco, aprenderás que o espírito do Natal deve reinar conosco em todas as horas de nossa vida. Então, serás o irmão abnegado e fiel de todos, porque, em cada manhã, ouvirás uma voz do Céu a sussurrar-te, sutil:
- Jesus nasceu! Jesus nasceu!...
E o Mestre do Amor terá realmente nascido em teu coração para viver contigo eternamente.
Pelo Espírito Irmão X / Francisco Cândido Xavier. Antologia Mediúnica do Natal. Espíritos Diversos. FEB. Capítulo 47.

O ESPIRITISMO E O NATAL - Palestras

ESCLARECIMENTOS DA FEP SOBRE HOSPITAIS ESPIRITUAIS E POSTURA ESPÍRITA



Related Posts with Thumbnails

IMAGENS DE TUPARETAMA